Fanpage Tacio Philip
> busca
página inícial
últimas notícias
lojinha

sobre
- Tacio Philip
- currículo
- meu blog
- facebook

montanhismo
- no Brasil
- alta montanha

arquivos
- gps
- cartas topo
- wallpaper

postagens recentes
.: ver todos :.:

contato
- email


Adote um Gatinho


Eu não uso drogas!

Blog Tacio Philip
< Anterior: Exploração e Pico do Garrafão molhados no carnaval | Listar publicações | Próxima: Escaladas em São Bento do Sapucaí - bauzinho e olhos >

17/03/2011 14:43:59 (#393) - Review: comida liofilizada Liofoods

Esse texto faz parte de uma série de testes de produtos a pedido do Kiko (Marcus Araújo) da Proativa, distribuidora no Rio de Janeiro de diversas marcas relacionadas ao montanhismo, escalada e atividades ao ar livre como Deuter, Sea to Summits, Primus, Suum entre outros.

Já foram analisados as pastilhas eletrolíticas Suum, os Copos X-Cup da Sea to Summits e agora chegou a vez das comidas liofilizadas Liofoods.

Para esse teste, colocarei meus comentários gerais sobre os alimentos Liofoods que experimentei e não apenas à amostra recebida, que infelizmente não pode ser muito bem analisada por não vir com informações sobre preparo além de ter uma quantidade minúscula do alimento.

Até hoje eu experimentei alguns dos "pratos" de alimentos liofilizados como macarrões, kits de comida, kit de emergência, alguns complementos para mistura e a qualidade de todos os produtos é boa, o sabor agradável (alimentos liofilizados não perdem sabor) e "teoricamente fáceis de preparar", precisando apenas que seja adicionado água quente ou fria ao produto e aguardar até sua reidratação.

Entretanto, escrevi "teoricamente fáceis de preparar" pois na prática, principalmente quando você quer preparar sua refeição em um ambiente externo, não é tão simples assim. Para pratos simples, como um macarrão, o preparo é super simples: basta despejar o conteúdo do pacote em uma panela/prato (ou usar a própria embalagem), adicionar a quantidade de água recomendada (às vezes um pouco mais), tampar, aguardar o tempo indicado (normalmente tem que aguardar mais) e pronto, sua refeição está pronta.

O problema ocorre quando são refeições mais complexas, como por exemplo um prato com arroz, feijão, farofa, carne e batata. A não ser que você queira preparar uma refeição no formato de ração, misturando tudo em um mesmo recipiente, colocando água e pronto, você precisará de muitos frascos, um para cada item. Eu cheguei a preparar alguns alimentos como este mas com certeza nunca mais os levarei para viagens onde não tenho uma mesa e muitos frascos para preparo (normalmente tenho no máximo 2 panelas e pratos). E, ao meu ver, se é para comer uma ração com tudo misturado apenas para dar energia e matar a fome (muitas vezes a opção mais rápida e leve) você não precisa se preocupar tanto com um conteúdo mais elaborado de ingredientes e sabor (até porque ao misturar tudo você sentirá o sabor de tudo e de nada ao mesmo tempo).

Outro ponto negativo é o preço. Uma refeição para uma pessoa sai por pelo menos R$ 10,00 (varia de acordo com o cardápio, normalmente para mais), o que é bem elevado se comparado a qualquer outro tipo de alimento utilizado em ambiente outdoor. Tudo bem que o preparo desse tipo de alimento pelo fabricante não é simples e dispendioso, mas se você tiver acesso aos preços do fabricante (o que normalmente quem usa esse alimento tem), perceberá que o valor cobrado nas lojas de artigos outdoor tem no mínimo 100% de lucro.

Considerando que o fabricante já teve seu lucro operacional e custos adicionados ao preço, o lojista vender o produto com mais 100% de lucro torna o valor do item proibitivo. Eu não pagaria R$ 35,00 por um kit de refeição para 2 pessoas.

Ai inclusive fica uma dica para a Liofoods: se vocês passarem a vender seu produto pelo site no preço "normal" de atacado provavelmente vocês venderão mais do que é vendido para os lojistas que ficam com os itens encalhados nas prateleiras.

Mas tirando a questão preço e a dificuldade de preparo de alimentos mais elaborados a qualidade é muito boa, são leves, compactos e práticos. O que faço hoje em dia é não usar mais refeições completas nas minhas viagens mas levar apenas algum complemento. O feijão, carne moída e frango desfiado eu realmente recomendo!

Em breve mais testes!

- enviado por Tacio Philip às 14:43:59 de 17/03/2011.



< Anterior: Exploração e Pico do Garrafão molhados no carnaval | Listar publicações | Próxima: Escaladas em São Bento do Sapucaí - bauzinho e olhos >

cursos diversos
- GPS: Operação, planejamento e tratamento de dados
- Escalada em Rocha
- Calculadora hp 50g
- Calculadora hp Prime
- Macrofotografia e close-up
- Photoshop para fotógrafos

aulas fotografia
- Fotografia Básica
- Macrofotografia e close-up
- Foto noturna
- Fotografia 3D
- Fotometria aplicada
- Workshops

fotografias macro
- tradicionais
- stacking
- anaglifos (3d)
- abstratas

fotos recentes
- travessia norte-sul no caparao
- escalada em arcos
- reabertura de trilha na serra do lopo
- escalada pedra amarela
- show king diamond
- serra do lopo via joanopolis
- show terra celta braganca paulista
- montanhas de monte verde
.: ver todos :.
.: buscar imagem :.

vídeos
YouTube

* será redirecionado para o site:
macrofotografia.com.br

free counters


© Tacio Philip - 2005/17
Não é permitida cópia parcial ou total do conteúdo ou código fonte deste site.
6 Usuários Online (392 nas últimas 24hs)