Fanpage Tacio Philip
>
página inícial
últimas notícias
lojinha

sobre
- Tacio Philip
- currículo
- meu blog
- facebook

montanhismo
- no Brasil
- alta montanha

arquivos
- mapas gps
- trilhas gps
- cartas topo
- wallpaper

postagens recentes
.: ver todos :.:

contato
- email


Adote um Gatinho


Eu não uso drogas!

Blog Tacio Philip
< Anterior: Escalada da via Trapos e Trapanos no Capacete, Salinas - PE 3 Picos | Listar publicações | Próxima: Escalada da via No Mundo da Lua no Pontão do Sol do Pico Maior de Friburgo, Salinas - PE 3 Picos >

21/07/2011 14:32:48 (#418) - Escalada da via Arco da Velha no Pico Maior de Friburgo, Salinas - PE 3 Picos

Ontem, dia 20 de Julho, o Pedro e eu madrugamos por volta das 3h15, sem muita pressa fizemos o café da manhã, acabamos de arrumar as coisas e antes das 5h estávamos seguindo de carro até o Mascarin onde, às 5h10, começamos a caminhada rumo ao Pico Maior de Friburgo - dica: o lance final da estrada, logo após a porteira, está péssima até para veículos 4x4.

Ainda no escuro, iluminando o caminho com as headlamps, subimos devagar apreciando o mar de núvens e céu que começava se iluminar até que, às 6h30, junto com os primeiros raios de Sol, chegamos na base da via Arco da Velha D4 6o. VIIa E3 700m.

Na base nos equipamos e, às 6h57, comecei a guiar a primeira enfiada da via. Ela começa em movimentos bem tranquilos, quase uma caminhada, e nas enfiadas seguintes, sempre alternadas entre o Pedro e eu, vai ganhando altura e dificuldade.

Para chegar na 4a. parada o Pedro fez uma travessia e, de lá, a via segue por 5 enfiadas espetaculares, bem verticais, na parede principal do Pico Maior sempre com a presença de grandes abaulados - inclusive uma delas é o primeiro crux, uma enfiada de 6o. grau protegida em móvel (pequenos nuts) por uma parede levemente negativa.

De lá continuamos a escalada e, depois de se perder um pouco, o Pedro chegou em uma parada da Decadance, via que eu havia feito há 2 anos. Lá nos "achamos" e, de volta à Arco, me preparei para entrar no crux da via, uma enfiada de 7a.

O começo da enfiada é uma travessia vertical para direita com duas chapas e logo ela começa a seguir em linha reta para cima em uma longa sequência, e desprotegida, de minusculos regletes e cristais. Aos poucos fui subindo, a última proteção foi ficando para baixo, próximo do platô, até que consegui subir o pé no "cristal chave" do lance, onde basta se equilibrar sem apoios para as mãos, subir esticando a perna e costurar em uma chapeleta. Mas, quando estava nesse movimento, há uns 30 cm da chapeleta, me desequilibrei e voei. Só deu tempo de gritar: "QUEDA!" e depois sentir minhas costas e cabeça batendo na parede de cabeça para baixo bem abaixo do platô (felizmente não aterrisei no platô e estava, como sempre, de capacete!). Pelos cálculos do Pedro eu voei pelo menos uns 10 metros!

Pendurado pela corda o Pedro perguntou se eu estava bem - eu estava, não havia machucado, mas estava muito adrenado - e então pedi que me descesse um pouco para que eu fosse até a parada. Lá alguns minutos descansando, esperando a adrenalina abaixar e, novamente, lá vou eu para o lance da via. Uma coisa que me animou foi uma frase do Pedro: "normalmente é assim, você cai na primeira vez e na segunda não cai mais". E, com isso na cabeça, voltei para o lance, agora já sabendo onde estavam as minusculas agarras, e fiz o lance.

De lá dei uma roubadinha puxando na costura, depois em umas arvorezinhas e venci então o lance vertical da parede, entrando em uma fenda aberta onde consegui proteger com alguns friends. Seguindo foi uma travessia para a direita e, já na parada, dei seg para que o Pedro se juntasse a mim e seguisse guiando a próxima e última enfiada da via, uma canaleta também muito tensa.

No final da 14a. parada a via emenda nas vias Leste ou Decadance, então preferi seguir pela chaminé da Decadance, indo até a última parada da Leste, onde logo chegou o Pedro e seguiu para o cume, onde cheguei ãs 15h37.

No cume algumas fotos e às 16h começamos a descida para a cabeça da via Cidade dos Ventos. De lá uns 5 rapéis e estávamos de volta ao chão observando o pôr-do-Sol - e aproveitamos para resgatar a corda de um pessoal que havia ficado presa em um grampo.

Agora, tendo deixado o mundo vertical e de volta ao chão, seguimos pela trilha até próximo da base do Capacete - onde os dois escaladores, de Brasília e Recife aguardavam pela corda - e seguimos, mais uma vez, a trilha de descida que nos levou de volta ao carro.

Mais 20 min de estrada e chegamos no abrigo, na hora exata que o Sérgio servia umas pizzas então entramos no rodízio (junto com algumas cervejas artesanais que ele está fabricando!). Pouco tempo depois, com o sono e cansaço batendo forte, tomei um banho e, antes das 21h estava na cama.

Hoje acordei tarde e fiquei baixando as fotos da câmera e comecei a escrever o relato. Daqui a pouco desceremos para fazer compras, almoçar, e, se acharmos, acessar internet. Amanhã devemos escalar algo mais light mas logo entraremos em outras vias fortes, já temos uma lista de vias aguardando nossa escalada.

Veja no link Escalada Arco da Velha - Salinas algumas fotos.

- enviado por Tacio Philip às 14:32:48 de 21/07/2011.



< Anterior: Escalada da via Trapos e Trapanos no Capacete, Salinas - PE 3 Picos | Listar publicações | Próxima: Escalada da via No Mundo da Lua no Pontão do Sol do Pico Maior de Friburgo, Salinas - PE 3 Picos >

cursos diversos
- GPS: Operação, planejamento e tratamento de dados
- Escalada em Rocha
- Calculadora hp 50g
- Calculadora hp Prime
- Macrofotografia e close-up
- Photoshop para fotógrafos
- Consultoria fotográfica

fotografias macro
- tradicionais
- stacking
- anaglifos (3d)
- abstratas

fotos recentes
- pico do selado - monte verde
- folk festival
- show helloween - pumpkins united
- show alice cooper e guns n roses
- expo nirvana
- show def leppard e aerosmith
- show bon jovi
- travessia norte-sul no caparao
.: ver mais :.
.: buscar imagem :.

vídeos
YouTube

* será redirecionado para o site:
macrofotografia.com.br

free counters


© Tacio Philip - 2005/17
Não é permitida cópia parcial ou total do conteúdo ou código fonte deste site.
3 Usuários Online (341 nas últimas 24hs)