Fanpage Tacio Philip
> busca
página inícial
últimas notícias
lojinha

sobre
- Tacio Philip
- currículo
- meu blog
- facebook

montanhismo
- no Brasil
- alta montanha

arquivos
- mapas gps
- trilhas gps
- cartas topo
- wallpaper

postagens recentes
.: ver todos :.:

contato
- email


Adote um Gatinho


Eu não uso drogas!

Blog Tacio Philip
< Anterior: Nova rede social que remunera os usuários? | Listar publicações | Próxima: Reveillon no cume do Pico dos Marins >

23/11/2015 16:58:49 (#540) - Tempestade naufragando tentativa de subida do Pico dos Marins e pedaladas por ai

Este mês que passou não teve muitas atividades fora da "rotina" de pedaladas por São Paulo e interior, passeios em São Paulo, passeios em Capivari, ida em exposições (inclusive esta é a última semana que a minha exposição fotográfica Abstratando está em cartaz) etc etc etc.

Entretanto, depois de reencontrar e conversar com o Eduardo Sanhudo no final de semana do dia 14, decidimos fazer um bivac no Marins, durante a semana, só para passar um dia na montanha e fugir da cidade. Sem planejar muito vimos que uma "boa" opção seria dia 17 e então, logo na hora do almoço, pegamos estrada rumo Piquete.

O caminho foi tranquilo, fizemos uma pausa em Piquete para almoço-janta e logo subimos para o Base Marins, onde fica o carro, ainda conseguindo no caminho observar o cume do Pico dos Marins sobre as nuvens que cobriam quase toda a Serra da Mantiqueira. Chegando lá acabamos de arrumar as coisas, colocamos as mochilas nas costas e então às 16h30 começamos a caminhada rumo à "boca do monstro".

Logo que demos uns 100 passos começamos a sentir que o clima estava mudando, um vento gelado e agradável nos refrescava mas não era um bom presságio. Pensando que, se pegássemos uma garôa leve, nada nos impediria de subir para bivacar no cume e fomos seguindo nosso caminho para cima. Quanto mais subíamos, mais a garôa engrossava, cada vez os trovões se mostravam mais perto de nós até o ponto de se tornar uma chuva de verdade quando chegávamos, 35 minutos de caminhada depois, ao Morro do Careca.

Como não tínhamos ainda nos carregado com água, fomos então até o riacho onde paramos, abrimos uma lona e nos entocamos por um bom tempo à espera da chuva melhorar e decidir o que seria feito. Embaixo da lona e ouvindo a tempestade se aproximar cada vez mais e literalmente passar por cima das nossas cabeças, vimos que esse não seria um bom dia para subir a montanha (até porque seria muito arriscado em alguns rampões e bivacar com chuva não é muito agradável).

Com os planos literalmente por água abaixo nem pegamos água e, perto das 18h, demos meia volta e começamos nossa descida, encharcados, de volta ao carro, com direito a algumas pausas para umas poucas fotos e vídeos do Marins com suas muitas "cachoeiras" devido à chuva (já tinha pego chuva no Marins mas nunca como dessa vez e nunca tinha visto tanta água descendo a montanha).

De volta ao carro, encharcados como se tivéssemos mergulhado em um rio, logo seguimos nosso caminho de volta pra São Paulo, parando apenas para o merecido jantar, já na rod Dutra, chegando em casa perto da meia noite.

Apesar de termos andado apenas 4,3 km na montanha e ter dirigido mais de 530 km, não dá pra considerar a viagem perdida. Uma leve roubada na montanha é melhor que uma tarde perdida em casa e não me arrependo da investida que não deu certo (não foi a primeira e certamente não será a última). O Marins é uma linda montanha e logo voltaremos para uma investida mais seca (o que é raro nessa época). Se tivéssemos insistido certamente chegaríamos ao cume mas ai o nível da roubada seria bem maior. Pegar um pouco de chuva, bivacando, durante a noite é uma coisa. Andar 4 h encharcados à noite, entrar em um saco de dormir molhados e tentar dormir seria bem diferente (e depois ainda percebi que a blusa que eu usaria pra dormir tinha molhado dentro da mochila). Resumindo: seria muita roubada!

E, durante essa nossa breve temporada na trilha, o Sanhudo fez um vídeo e ele pode ser visto logo abaixo. Não deixe de ver nossos vídeos, curtir se gostar e seguir nosso canal para mais novidades!

Vamos ver se o Marins deixa que eu chegue ao seu cume, pela 10ª vez, ainda este ano ;-) Planos já estão sendo arquitetados!

- enviado por Tacio Philip às 16:58:49 de 23/11/2015.



< Anterior: Nova rede social que remunera os usuários? | Listar publicações | Próxima: Reveillon no cume do Pico dos Marins >

cursos diversos
- GPS: Operação, planejamento e tratamento de dados
- Escalada em Rocha
- Calculadora hp 50g
- Calculadora hp Prime
- Macrofotografia e close-up
- Photoshop para fotógrafos

aulas fotografia
- Fotografia Básica
- Macrofotografia e close-up
- Foto noturna
- Fotografia 3D
- Fotometria aplicada
- Workshops

fotografias macro
- tradicionais
- stacking
- anaglifos (3d)
- abstratas

fotos recentes
- show alice cooper e guns n roses
- expo nirvana
- show def leppard e aerosmith
- show bon jovi
- travessia norte-sul no caparao
- escalada em arcos
- reabertura de trilha na serra do lopo
- escalada pedra amarela
.: ver todos :.
.: buscar imagem :.

vídeos
YouTube

* será redirecionado para o site:
macrofotografia.com.br

free counters


© Tacio Philip - 2005/17
Não é permitida cópia parcial ou total do conteúdo ou código fonte deste site.
3 Usuários Online (308 nas últimas 24hs)